Inglês

Inglês
Inglês2018-07-04T14:52:02-03:00
Karina Moreno Kmecs - Teacher

Hellow,

Meu nome é Karina Moreno Kmecs sou a Teacher, faço parte do corpo docente da escola pingo de gente a 3 anos, minha formação foi adquirida em Boston (USA) por onde residi por aproximadamente 18 anos.

Retornando ao Brasil à 4 anos e meio atrás, exatamente no pingo de gente que realmente decidi a me dedicar a educação infantil, participando de Cursos, Palestras, Workshops para poder entender mais ainda sobre a importância do idioma inglês desde a infância.

Tive a satisfação de participar de toda a trajetória da transformação da escola para o bilíngue, cada vez mais podendo ir além do que os livros te limitam, e cada vez mais fui percebendo que podíamos avançar com a segunda língua fomos além disso, trazendo os professores para a sala de aula também, com aulas semanais para toda equipe, mostrando a importância da interação com os colegas, professores e demais funcionários da escola para a criança que está na fase inicial de aprendizado é muito importante para seu desenvolvimento interpessoal.

Vou falar um pouco da minha didática,

 O objetivo é, por meio de uma atividade interativa, ensinar esse conteúdo aos alunos e quebrar certas barreiras no relacionamento, e despertar o interesse do aluno pelo idioma, respeitando o universo infantil, numa metodologia que enfatiza a compreensão e comunicação oral. A criança aprende num contexto natural e espontâneo (adequado à sua faixa etária) por meio de atividades lúdicas e dinâmicas.

O vocabulário é desenvolvido através de situações cotidianas em sala de aula e de projetos de integração interdisciplinar de acordo com o interesse de cada grupo.

Valorizar a expressão, criatividade e iniciativa da criança é uma forma de promover aos alunos uma construção ativa de seus conhecimentos. 

Educação Infantil que a criança tem uma maior oportunidade de desenvolver suas potencialidades, de aprender a viver e a conviver em sociedade. Também é fato que o inglês é uma das línguas mais faladas no mundo, sendo hoje imprescindível que saibamos falar a língua inglesa com uma certa fluência se quisermos nos inserir neste mundo. Portanto, devemos considerar que a escola de educação infantil pode ser o melhor lugar e o melhor momento para começar a aprendizagem da língua inglesa.

Melhor idade para iniciar o ensino de um outro idioma, os benefícios trazidos pela prática ao desenvolvimento cognitivo de bebês e crianças já são mais que certos. E ainda tem mais: quanto mais cedo, melhor.

Músicas usadas para despertar, motivar e reforçar o vocabulário trabalhado em sala,

Crianças bilíngues desenvolvem habilidades que vão muito além de vocabulários dobrados, incluindo o aprendizado de diferentes maneiras de solucionar problemas lógicos ou mesmo de lidar com tarefas múltiplas (parte da chamada função executiva do cérebro). Em outras palavras, crianças bilíngues desde cedo

Contrário, elas entendem bem em quais situações comunicativas devem utilizar cada idioma, sem atropelos,

Facilita o aprendizado a partir do momento em que não será preciso construir todo um mundo simbólico em português para depois traduzi-lo, mas sim construir um mundo simbólico em que a língua estrangeira faz tanto sentido quanto o português, sendo por isso naturalizada. Assim, crianças educadas em duas línguas serão adultos mais confiantes, porque terão aprendido a se comunicar de forma gradativa, lúdica e pela experiência.

Bilinguismo como um processo gradativo e constante,

Na educação infantil, deve-se ter o cuidado de não explorar a leitura ou a escrita de palavras em inglês, uma vez que o período de alfabetização da criança precisa ser respeitado. Devido à idade, a melhor abordagem consiste no ensino de inglês a partir da sonoridade da língua, da mesma forma como fazemos com nossa língua materna: primeiramente aprendemos a falar e a entender o que ouvimos para, depois, aprendermos a ler e a escrever.

O ensino ideal se dá por meio de atividades lúdicas que guardam relação com o cotidiano da criança. Por isso, contar histórias, promover jogos e brincadeiras, dramatizar situações (com bonecos e fantoches) e recorrer às músicas são sempre ótimas opções. Assim, aprender inglês será tão divertido e natural que a criança sequer perceberá que está, de fato, aprendendo! A experiência deve ser prazerosa e as técnicas, adequadas à idade. Não faz sentido, por exemplo, ensinar regras gramaticais a uma criança muito pequena. Mas não se preocupe, porque, no tempo certo, ela desenvolverá esse tipo de habilidade.

E como os pais podem ajudar no processo?

É essencial que os pais se envolvam na vida escolar dos filhos, incentivando o aprendizado do inglês sem os sufocar com cobranças ou demonstrações excessivas de expectativas. Reagir positivamente às manifestações da criança em língua inglesa é bom para que ela se sinta mais segura e desinibida. Já cobrar a tradução de textos ou testar o conhecimento dos filhos, especialmente na frente de outras pessoas, pode ser prejudicial. É preciso que as crianças vivenciem o inglês de forma natural, com incentivos e sem pressão. Vale a pena estimular a prática da língua estrangeira em casa, com livros, filmes, seriados, desenhos e idiomas. 

06 MOTIVOS QUE REFORÇAM A IMPORTÂNCIA DE APRENDER INGLÊS NA INFÂNCIA

 

  1. PROMOVER O DESENVOLVIMENTO COGNITIVO

Ao aprender algo novo, neste caso um idioma, a criança está a ser estimulada, as funções cognitivas são ativadas quase constantemente, algo que facilita também outras aprendizagens.

Importa, no entanto, adequar as estratégias à fase de desenvolvimento da criança e permitir, principalmente quando falamos de crianças mais novas, que a aprendizagem ocorra de forma natural, incentivando-se, assim, a curiosidade e o desejo de experimentar e aprender. 

  1. ADQUIRIR COMPETÊNCIAS DE COMUNICAÇÃO

Quanto mais cedo uma criança for exposta aos sons de uma língua estrangeira, mais possibilidades terá para incorporá-los no seu mecanismo de fala. 

Adicionalmente, as crianças aumentam a capacidade de comunicação com os pais, familiares, e com mais pessoas quando viajam ou convivem com pessoas de outros países, ampliando ainda o acesso à informação global, através da Internet, por exemplo. 

  1. AUMENTAR A CRIATIVIDADE

Em criança, o ser humano manifesta imensa curiosidade, entusiasmo e motivação por aprender e descobrir, aprender um novo idioma também permitirá ter experiências novas constantemente, favorecendo a construção de um cérebro mais flexível e criativo. 

  1. PREPARAR O FUTURO

Atualmente, aprender inglês, ou um outro novo idioma, confere-nos características e competências adicionais, quer no mercado de trabalho quer na vida pessoal. 

Por essa razão, ao atingir a idade adulta, esta criança, que já vem desenvolvendo o domínio da língua inglesa desde cedo, pode realmente fazer a diferença no que diz respeito à vida acadêmica, à aquisição e manutenção de um emprego, assim como no seu enriquecimento e desenvolvimento humano, cognitivo e cultural. 

  1. MELHORAR A CONCENTRAÇÃO E ATENÇÃO SELETIVA

Alguns estudos apontam no sentido de que uma experiência bilíngue melhora as funções do cérebro das crianças, permitindo-lhes, por exemplo, ignorar distrações, mudar o foco e manter informações na mente. 

  1. ACEDER A OUTRAS CULTURAS

A importância de aprender inglês na infância vai muito além de aprender um novo idioma, como temos visto neste artigo. 

Cumulativamente, as crianças aprendem sobre costumes, tradições, festas típicas, literatura, história, música, etc., dos países cuja língua está a conhecer, o que torna a aprendizagem do inglês muito mais rica e a criança mais conhecedora e hábil culturalmente. 

VAI DEIXAR QUE AS “JANELAS DE OPORTUNIDADE” SE FECHEM?

Como sabemos, aprender outro idioma traz benefícios em qualquer idade, mas no caso das crianças parecem por demais evidentes.

 

Pingo de Gente

CONTATO

  • Rua Luiz José Montessante, 38 e 61 CEP 05139-000
  • (11) 3903-7164
  • (11) 3904-8116